sexta-feira, 2 de dezembro de 2011

Sugestão cultural



Este é o filme que nos conta outra história de William Shakespeare. Aqui coloca-se a verdadeira identidade do escritor em causa - Shakespeare não passa de um actor bêbado e analfabeto. Um verdadeiro impostor, que se apresenta como o dramaturgo das peças de teatro, que na verdade são escritas pelo Conde de Oxford Edward de Vere. A cena é passada em Londres, no meio da realeza, envolvendo romances com a rainha Elizabeth I e esquemas políticos para obter o trono do Reino Unido. É um filme bastante interessante, mesmo que seja mentira. Para quem gosta das obras de Shakespeare, é ideal, porque permite-nos recordar peças como Hamlet (to be or not to be, that is the question!), Romeu e Julieta, Júlio Cesar e Rei Lear. Para os que estremecem só de ouvir falar na falsa identidade de Shakespeare, é melhor ficarem por casa. Mas a verdade é que nunca apareceu nenhum manuscrito do senhor...

3 comentários:

MK disse...

O trailer realmente é cativante! Tenho de ir ver!

Esther disse...

Também é verdade que nunca foi encontrado um manuscrito de Platão, o que não quer dizer que tenha sido uma fraude... Eu ainda não vi o filme, mas neste género de filmes não podemos assumir que nos estão a mostrar uma biografia autêntica do autor, porque isso tem muito que se lhe diga quando se trata de analisar dados seculares, que se vão perdendo ao longo do tempo. Mas pronto, sempre é entretenimento:)

Johnny disse...

Esther, mas eu não disse que acredito. Só deixei a dúvida a pairar no ar.