quinta-feira, 15 de julho de 2010

Ando sem paciência. Para os meus dias. Para as pessoas. Para o estudo. Para os pedidos. Para as conversas. Ando sem vontade para fazer alguma coisa, apetece-me fazer tudo. Quero dormir, acordo cedo. Ando cabisbaixo, rio-me às gargalhadas. Quero sair, fico em casa. Quero confusão, apetece-me estar em silêncio. Estou em exames, quero férias. Estou cansado.

5 comentários:

Catarina disse...

Como eu te compreendo!! :) é um estado de espírito um bocado parvo e que nos deixa um bocado estúpidos, mas pronto, todos temos esses dias, não é verdade!? Que venham de lá essas férias!! ;)

S* disse...

Não temos de ser sempre fortes e inabaláveis...

Missy Chatterton disse...

Tem calma,...respira fundo. Porque é que não fazes uma terapia relaxante, assim...uma massagem ? (:

- Eu faria se o dinheiro abundasse... -.-

Roxanne disse...

é natural... bom trabalho entao! e um pouco mais de paciencia!

Agora a Sério disse...

Há dias que vivemos uma dualidade de sentimentos, e hoje sinto-me como tu.

Beijinho