quinta-feira, 24 de janeiro de 2013

Regras básicas para frequentar o Metro de Lisboa

1. Quando o metro chega à estação primeiro esperas que as pessoas saiam.
2. Para cumprir o ponto 1 é necessário que não te metas de frente para a porta a meio metro de distância. Isso impede as pessoas de sair e, consequentemente, que tu consigas entrar. 
3. Não empurrar ninguém.
4. Quando o ponto 3 não for cumprido, pedir desculpa.
5. Não esperar que chegue a tua vez de passar a cancela para procurar o passe/bilhete.
6. O ponto 5 aplica-se principalmente a senhoras que utilizam malas que mais parecem malas de viagem e que transportam meia casa lá dentro.
7. O incumprimento dos pontos referidos acima dá direito a um par de estalos muito bem dado. Estão avisados, depois não se queixem. 

5 comentários:

verniz escarlate disse...

Johnny isso vale tb para o metro do porto e comboios intercidades e sub urbanos :) e estão muito bem esclarecidas as regras sim senhora. Bj

Noa disse...

É que ficamos logo ali no primeiro ponto. As pessoas não percebem!

Iva Araújo disse...

Como eu te entendo, há dias que tenho vontade de agredir as pessoas no metro só pela falta de civismo! Não percebo qual é a pressa, custa assim tanto esperar uns segundos? Sinto-me orgulhosa de cumprir todas as regras :)

Pulha Garcia disse...

Esqueceste-te de focar a importância do desodorizante. Um conceito fundamental e tão abandonado à sua sorte. Pelo menos na linha azul, pá.

Johnny disse...

Pulha Garcia, a lista ainda terá uma segunda versão, quase de certeza, que esta foi só para enumerar o que de mais básico se deve fazer. Não que não seja básico cuidar da higiene pessoal antes de vir a público, mas receei que ao incluir a importância do desodorizante numa lista destas o assunto ficasse muito limitado, porque tanto acontece na linha amarela como em outro lado qualquer (e nem a invenção dos de 48h resolve o problema).