domingo, 2 de setembro de 2012

Como não quero que passem o domingo inteiro a vegetar no sofá ou na praia embrenhados em pensamentos tão bons como "é tão bom não fazer nada, habituava-me bem a isto", deixo-vos com uma questão em mãos para pensarem e tentarem desmistificar. É só explicarem porque é que as pessoas dizem "com licença" no momento que passam por nós ao melhor estilo furacão Katrina. É um contra-senso e na minha humilde opinião acho que ficava melhor optarem pela sinceridade e dizerem "com brutidão" ou não dizerem nada. Sim, é este o nível a que cheguei. No fundo eu sou pessoa que se intriga com o comportamento da espécie humana. Mas não sou só eu. Sou eu e a pessoa que me acompanhou às festinhas populares que foram só o maior flop dos últimos anos. Sai uma pessoa de casa a julgar que se vai divertir para perceber que o melhor da noite é comer uma grande waffle a transbordar de chocolate. Um bom domingo para todos. Toca a puxar pelos neurónios!

2 comentários:

Lia disse...

eu deixei de pensar no assunto quando me cansei de ser a unica a pedir licença "com jeitinho"... Passei a fazer igual aos restantes!

Batata Frita disse...

Eu acho que dizem isso para parecem ser simpáticas quando só lhes apetece espancar tudo o que está à frente! aha