quarta-feira, 30 de novembro de 2011

É preciso eu explicar sempre tudo não é?

A música pimba não se anula com um cover, com uma tradução para nepalês. Nunca uma Ágata deixará de ser pimba quando tocada em jazz e nunca as músicas da Nikita deixarão de ser pimbalhonas mesmo que decidam pegar nelas para fazerem versões acústicas. Passem a mensagem à Luísa Sobral se faz favor. E digam-lhe que uma carreira musical é como a reputação: uma vida inteira para construí-la e 5 minutos para deitá-la abaixo.

4 comentários:

Roxanne disse...

mas queres o que?! depois estragam-se boas vozes com maluqueiras destas! bah! alguém que dê um carolo na miúda!

Vanita disse...

Esta menina nunca me convenceu. Razão tinha o Moura dos Santos, ou seria o Luís Jardim?, que a chamava à Terra sempre que ela se enchia de orgulho no "Ídolos"...

Susaninha disse...

AHAHHA..Soltei uma boa gargalhada:)

Johnny disse...

Susaninha, se te arranquei uma gargalhada, o objectivo do post foi cumprido :)