terça-feira, 19 de abril de 2011



Não gostava eu de conzudir com nevoeiro. Mas hoje descobri que conduzir com direito a trovões e relâmpagos é muito mais desagradável. Se hoje nenhum raio me atingiu o carro então só posso ter muita sorte.

5 comentários:

Vanita disse...

Acabei de passar pelo mesmo. Not cool...

Bloguótico disse...

Tens a certeza de que eram relâmpagos e não radares?! lol

Ghost Writer disse...

Haha, voce me fez lembrar um motorista de táxi que tive que aguentar quando uma tempestade inesperada me pegou.

Lá estava eu, encharcado, e o sujeito reclamando sem parar, que não gostava de dirigir em meio a raios e trovões, que poderíamos morrer, dramático o discurso que ouvi durante 20 minutos até chegar ensopado em casa e ainda ter que pagar pelo discurso.

Injusto.

http://escritoslisergicos.blogspot.com

Dylan disse...

Quando existem trovões e relâmpagos, o sítio mais seguro para se estar é dentro de um automóvel.

Fábio disse...

Estar em casa de noite com as luzes a tremelicar e os trovoes e raios sem parar nao ha melhor :P mas olha que no carro deve ter se outra perspectiva bastante mais aterradora :P

Abraço