terça-feira, 26 de abril de 2011

Não é justo que as boas pessoas tenham azares na vida nem que partam tão cedo. E infelizmente é uma realidade bem presente.

Nos últimos tempos, e principalmente hoje, tenho pensado que a vida é curta e incerta (muito incerta!) demais para fazer de pequenas problemas dramas e para dar importância ao que não vale a pena.

4 comentários:

Pupa disse...

porque que é preciso surgir uma tragédia para darmos valor às coisas?! Somos humanos.

Ghost Writer disse...

O que mais existe são os que fazem dramas por pouquíssima coisa, principalmente na web, quando nem sabemos quando se trata ou não da realidade. Chamo isso de "síndrome do coitadinho da web" e quero distância destes contatos.

Mas sempre me ponho a questionar o mesmo, porque pessoas boas muitas vezes passam por sofrimentos terríveis enquanto as más seguem suas vidas bem, prosseguindo em suas maldades?

Não sei porque insisto, creio que nunca haverei de ter uma resposta.

Girls Next Door disse...

O comentario que deixaste tocou-nos imenso. É uma grande verdade o que dizes... e só na hora da perda é que questionamos o porque de tanta coisa.

Ivânia Santos (Diamond) disse...

Very true...
Infelizmente :(


xoxo,
Ivânia Diamond*