quinta-feira, 6 de janeiro de 2011

E irem logo directos ao assunto?

E quando nos vêm com a conversa "Olá, tudo bem contigo? Olha podes dizer-me... Olha manda-me lá o documento... Olha podes..." assim de rajada? Não percebo qual é a necessidade. Por mim podem ir logo directos ao assunto e passarem a parte formal da coisa. É que dá perceber muito bem que estão tudo menos interessados em saber como estou e em cumprimentar-me.

3 comentários:

O Momento Perfeito disse...

Estou plenamente de acordo contigo. É uma coisa que me irrita muito quando querem uma coisa e bem com a treta do olá esta tudo bem? e quando respondes pouco se importam com ela.. Ao menos quando quero algo vou logo directa ao assunto! *

Bloguótico disse...

Julgo que isso do “tudo bem?” surge como que mecanicamente! Mesmo no dia a dia, quando te cruzas com alguém, embora não se espere ouvir a resposta, essa pergunta da praxe é sempre colocada!... mesmo que a sua resposta seja a repetição da pergunta!...

Johnny disse...

Eu sei que o tudo bem é dito mecanicamente. O que me irrita é quando vêm falar connosco só por interesse para pedir ou perguntar alguma coisa e perguntam se está tudo bem. Nessas situações é que acho que não vale a pena.