quarta-feira, 14 de julho de 2010

Existe alguma maneira de fazermos com que certas pessoas percebam que estão a ser chatas sem roçarmos o desagradável? É que eu tenho tentado, mas não tem dado resultado. Talvez deva ser mais explícito, mas o meu objectivo não é deixar as pessoas chatas mal. É apenas fazer com que entendam que perguntarem-me o mesmo todos os dias (às vezes mais do que uma vez por dia) não vai fazer com que fiquemos mais amigos ou que eu dê pulos de alegria por falarem comigo em conversas de messenger que, por mim, podiam não existir. Será que há pessoas que não têm dois palmos de testa para entenderem o quão repetitivas (e enfadonhas) se tornam? Porque é que não pensam 2 vezes antes de meter conversa? "Ah espera, se calhar já lhe falei disto ontem e ele até me respondeu. Vale a pena falar do mesmo outra vez?". Quando se interrogarem dessa maneira pensem que a minha resposta é "NÃO, deixa-te estar sossegada, vai mas é ler a revista Maria" ou então "vai mas é trabalhar".

5 comentários:

Agora a Sério disse...

Como eu te compreendo! Se há coisas que me irritam é ser obrigada a ouvir as mesmas histórias, contadas pela mesma pessoa, over and over again!

Tem alturas que a minha paciência se esgota, e a solução é dar uma de alienada... costuma resultar lol

Beijinho :)

Rafeiro Perfumado disse...

Quando começarem a falar do mesmo assunto, puxa de um bloco e caneta e diz:
"Espera, deixa-me anotar o que dizes, para ver se é diferente do que escrevi ontem".

Se não resultar, mata-a.

Missy Chatterton disse...

acredita que eu sei o que estás a sentir -.-

LP disse...

Se é rapariga, está apaixonada. Se é rapaz, és o ídolo dele... ;)

Perigosa disse...

Tem sotaque ? é mau se as pessoas forem chatas, mas pior ainda é se tiverem sotaque